Jump to content
Siscomex - Comércio Exterior
warlisson

Remessa expressa retida em Viracopos/SP

Recommended Posts

Minha 1ª participação no fórum, ja li varios tópicos porém nenhum parecido com o meu caso, mais vamos lá.

 

Efetuei a compra de dois controles para playstation do site play-asia, vindos da china pela empresa Fedex, estes dois controles são dois joysticks em forma de pistolas, como aquelas que tem em lojas de games nos shoppings, 3 dias após a chegada em Viracopos/SP fui informado que estavam retendo minha encomenda, por estar constando na DI a palavra "Gun"(arma), e que estava sujeita a anuência do Ministerio do Exercito.

 

Efetuei varios contatos tanto com a Fedex quanto com a Alfandega do próprio aeroporto de viracopos, e estranhamente todos sorriram quando expliquei que na caixa haviam apenas dois controles de plastico para videogame, vamos aos fatos após os contatos:

 

A Fedex informou que ou eu deveria ir a São Paulo ou contratar um despachante aduaneiro(absurdo de caro).

 

detalhe: Moro no Distrito Federal.

 

A Alfandega de viracopos no 1º contato informou que eu deveria procurar a alfandega de brasília e solicitar o transito aduaneiro da remessa, porém fui informado aqui em brasilia que eu (pessoa Fisica) não posso fazer tal solicitação e que eles aqui infelizmente não podiam fazer nada.

 

em um 2º contato com viracopos fui informado para entrar em contato com o pessoal da fedex, pois a remessa não precisa de anuencia por se tratar de controles de videogame.

Mais infelizmente é muito dificil o contato com a Fedex e o 0800 convenhamos é uma porcaria.

 

em um 3º contato fui informado novamente por viracopos a enviar uma carta à equipe de remessa expressa do aeroporto de viracopos solicitando a relevação da atracação( não tenho a menor ideia do que seja isso, nem como fazer).

 

Abri um protocolo na ouvidoria do Ministério da Fazenda a respeito desta questão mais ja tem 9 dias e até agora nenhuma resposta.

 

Já vai fazer 2 semanas que esta la em viracopos minha encomenda e não sei como proceder neste caso, pois a propria alfandega reconhece que não precisa de anuencia, mais nao libera a remessa.

 

Gostaria que vocês me ajudassem com esta questão ok.

 

desde ja meu muito obrigado à todos.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Os "danados de caro", são os que poderiam lhe orientar.

Também sou um desses aí, da classe dos despachantes aduaneiro-dad, nada pessoal, apenas queria colocar algumas verdades, que espero sejam boas e úteis.

Não quero ser pessimista mas acho que você perdeu.

Um cirurgião cardiaco, capaz de reverter, a chance de morte equivalente a 99% também é danado de caro.

Prezado Warlisson, é claro que você não sabia e confesso que eu também não sei quais são os critérios da SRF para descaracterizar mercadorias enviadas via fedex.

Mas qualquer dad teria lhe avisado que um joystick é um brinquedo sujeito a anuência do INMETRO.

Ou seja, no status atual de sua carga, escapar do MEx é fácil, mas o produto importado deve obrigatoriamente atender as exigências INMETRO a fim de obter uma permissão para importa-lo e depois registrar a DI/DSI.

Danadas de caras são as certificações do INMETRO e a multa de 30% aplicada sobre a importação sem permissão do INMETRO cujo valor não poderá ser inferior a R$ 500,00.

Com todo o respeito que tenho pelos participantes do Fórum, percebe-se que alguns participantes desconhecem a nossa importância e, principalmente, o quanto economizariam em tempo e dinheiro, caso se dispusessem a buscar orientação de um profissional.

No problema acima você teria informações sobre todos esses riscos.

Seria melhor ter conversado com seu dad e oferecido o que você pudesse pagar a fim de obter a orientação necessária, antes de tentar a sorte.

É isse aí o meu conselho, acho que serve para tudo na vida, quando eu precisei de um cardiologista, não fiquei batendo na porta dos hospitais para saber como eu mesmo poderia curar o mal cardiaco.

Por favor, respeitem os dad, a experiência sempre é o resultado dos fatores: trabalho, perseverança e principalmente muito estudo para conhecer todas a variantes do comércio globalizado.

 

Um abraço fraterno a todos.

Boa noite!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Concordo plenamente com Moacir. Todo mundo quer importar e não entende nada, mas sempre dizem, "não quero despachante", é muito caro, "eu mesmo quero fazer despacho". Pessoal! Vamos raciocinar, quem entende de importação é despachante, consultor de comércio exterior, e nós como todo profissional cobramos "pelo serviço". Nós trabalhamos a vida inteira nisso e vivemos "disso". O barato sempre vai sair caro, aprendem isso para o futuro.

Um abraço a todos

Share this post


Link to post
Share on other sites

Vocês têm certeza que é necessário anuência do INMETRO mesmo para mercadorias importadas via RTS? Pensei que isso só era necessário para importações formais...

Share this post


Link to post
Share on other sites

Pois é meu "caro", eu poderia fazer este serviço, pois tenho conhecimento para isso, o problema é que estou em Brasília e ninguém informa nada direito.

 

Vejo que você não leu o post direito, este tipo de produto não necessita de anuência do INMETRO, pois não é um brinquedo, não se enquadra nesta classe.

 

Achei que este fosse um forum para ajudar e não para vender serviços, despachante conheço vários, se quisesse este serviço ja o teria pago, o problema não é dinheiro e sim uma encomenda ser taxada de anuencia do Ministério do Exercito sem motivo.

 

Antes de criticar sem saber, tente entender o problema.

Edited by warlisson

Share this post


Link to post
Share on other sites

Caro Amigo,

 

Peço desculpas acho que não fui compreendido, mas tudo bem!

 

Mas vamos tentar manter o alto nivel do forum.

 

Entendi que a sua importação foi descaracterizada da remessa postal, o serviço porta a porta da Fedex, foi interrompido porque a SRF solicitou a permissão do MEx e o procedimento agora é prosseguir com uma importação normal.

 

Voce adquiriu uma espécie de joystick, classificado na NCM 9504.10.99, destinada a OUTRAS PARTES E ACESSÓRIOS DOS JOTOS DE VÍDEO DOS TIPOS UTILIZÁVEIS COM RECEPTOR DE TELEVISÃO, para registrar a DI o INMETRO exigia LI e certificação essa exigência hoje, me parece que se restringe aos produtos originários da Argentina.

 

A PORTARIA INMETRO Nº 376, DE 5 DE OUTUBRO DE 2007, DOU 08⁄10⁄2007, em seu art.1º Estabelece que, após o embarque de brinquedos no exterior, mas anteriormente ao despacho aduaneiro, o pedido de licença de importação (LI) seja registrado no SISCOMEX, devendo constar no campo relativo a "informação complementar" o número do Contrato de Certificação que ampara a importação, firmado entre o Importador e o Organismo Certificador de Produtos, Acreditado pelo Inmetro.

 

O que determina o tratamento administrativo é a NCM, este tipo de produto mesmo não sendo brinquedo, é tratado como tal se importado da Argentina e necessita da anuência do INMETRO.

 

O forum continua com a finalidade de ajudar, qualquer consultoria ou curso de comércio exterior é paga você esta tendo isso de sem nenhum custo, alias vc mencionou que o despachante e tentei alertar para complexidade que, as vezes, envolve uma operação.

 

Como você conhece varios despachantes, e como você mesmo diz ter conhecimento, percebi agora que a intenção foi apenas registrar a ocorrencia da anuencia do Ministério do Exercito sem motivo.

 

Um abraço do Moacir

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Loading...

×
×
  • Create New...